sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Entrevista a Thomas da Costa

A fim de conhecer mais os novos jogadores lusodescendentes da Selecção, tentaria dar-vos o máximo de informação todas as semanas.
Esta semana, uma entrevista exclusiva de Thomas da Costa, o novo pilar da Selecção Nacional. Tambén, a apresentação do jogo de Portugal frente a Argentina Jaguares aqui.



-Lobos em França : Em primeiro, poderia dizer-nos o teu percurso desde o início da tua carreira ?
-Thomas da Costa : Comecei o rugby ao Le Marquisat que é uma associação de vários clubes de aldeias ao lado Tarbes. Seguidamente, um dia o treinador da equipa de Lourdes veio proposarme de jogar no Lourdes. Decidi ir. Seguidamente, juntei-me ao centro de formação do clube Agen. Após os meus dois anos de centro de formação, assinei um contrato Espoirs no Montauban por dois anos em que provou no rugby profissional com a equipa 1. Ao fim do meu contrato decidi partir em Fédérale 1 para poder encontrar um trabalho e jogando ao mesmo tempo a um bom nível rugby, assinei no Poitiers e finalmente retornei no meu clube de Lourdes, nas minhas montanhas, onde jogo actualmente.

-Lobos em França : Como acabas de dizê-lo, jogas actualmente no Lourdes em Fédérale1.Como esta a passar esta temporada com o teu clube Lourdes ?
-Thomas da Costa : Estou muito bem neste clube, tenho o meu lugar. Sou um poco a criança do país. O presidente do clube considera-me como uma peça soberana do pack e aquilo é realmente uma marca de reconhecimento, aquilo realmente tocou-me. Éramos terceiro do grupo há três jogos e vamos todo fazer para subir e qualificar-se para o Jean Prat.

-Lobos em França : Qual é o vosso objectivo para este ano ?
-Thomas da Costa : Simplesmente, a qualificação para o Jean Prat e ir o mais longe possível.





-Lobos em França : Jogaste, há duas semanas, o teu primeiro jogo com a Selecção portuguesa. No entanto, já tinhas efectuado um estágio, há mais o menos um ano. Que passou-se ?
-Thomas da Costa : Após o meu primeiro estágio, pensava que era terminado porque realmente tinha feito uma má prestação. Tinha tido uma possibilidade e não tinha sabido apreender-o. Trabalhei muito com o meu clube e quando propôs-me-se que retornasse uma segunda vez, fiz tudo para não errar uma segunda vez.

-Lobos em França : Para ti, jogar com Portugal era um sonho. Que sentiu durante o hino?
-Thomas da Costa : Era muito orgulhoso, quase chorei !

-Lobos em França : Que achaste da tua prestação ?
-Thomas da Costa : Vamos dizer que fiz o que pude com o nível e o número de treino que tenho por semana ao clube. Porque mesmo se trabalhei duro, é necessário que duplico este trabalho para poder confirmar-se à este nível internacional.

....
-Lobos em França : Cual é o teu objectivo personal com a Selecção ? E ao nivel colectivo ?
-Thomas da Costa : A nível pessoal, gostaria de impôr-me neste grupo como fiz no meu clube. Após a nível colectivo, sinto-me já muito bem, todos acolheram-me muito bem e progrido bastante rapidamente na língua portuguesa ao contacto dos outros jogadores. Fazer de Lisboa, a minha segunda casa e a equipa nacional, a minha segunda família, é o meu novo objectivo.

....
-Lobos em França : Obrigado Thomas para o tempo que acordasme e boa sorte para os futuros jogos !
-Thomas da Costa : Muito obrigado Bryan para todo o que fazes para os lusodescendentes e os Lobos.

....

4 comentários:

Anónimo disse...

Muito boa entrevista!

Anónimo disse...

Bryan qual vai ser o XV de amanha sabes?

Bryan Freitas disse...

Podes ver o XV na apresentação do jogo.

Claudio disse...

Para ver o jogo http://fr.justin.tv/tugavisao